SITE DEDICADO AO MUNDO DO MODELISMO ESTÁTICO & MILITARIA

Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Sondagem
Qual a sua área de modelismo preferida?
Militar aéreo
Militar terrestre
Militar naval
Civil aéreo
Civil terrestre
Civil naval
Ficção
Outro
Ver Resultados

Rating: 4.1/5 (3723 votos)

ONLINE
1




Partilhe esta Página



 

 

PARCERIA


Os administradores deste site aceitam propostas de parceria para análise.

 


AJUDE A MANTER ESTE PROJETO

Donativos

 




Total de visitas: 487796
P&H - Avia B-122
P&H - Avia B-122

Avia B-122

- Avião acrobático e de treino - Checoslováquia (1934) -

Resumo Histórico Especificações Versões & Variantes Principais Utilizadores Historial Galeria Vídeos Profiles Fontes
Descrição Gerais
                   

  Avia B-122  

Foto: (1) - Avia B-122, 01 de dezembro de 1938

  Avia B.122  
  AVIA Ba.122  
  RS Models - 1/72  

RESUMO HISTÓRICO


O Avia B-122 foi um avião monomotor, acrobático, biplano, de um só assento, desenvolvido em meados da década de 1930 pelo fabricante checoslovaco Avia. Prestou serviço operacional nos primeiros anos da 2ª Guerra Mundial.

O desenvolvimento do Avia B-122 remonta à primavera de 1934, quando o Comando do Exército Checoslovaco decidiu que alguns dos pilotos da Força Aérea Checoslovaca participariam na competição aeronautica internacional Coupe Mondiale que se realizaria em Vincennes, Paris, nos dias 9 e 10 de junho desse ano. Para esse efeito, o fabricante de aviões Avia foi encarregado de desenvolver e construir dois aviões especiais utilizando o motor Walter Castor de 260 cv.

Os prazos eram muito apertados. Assim, para responsável pelo projeto foi escolhido o engenheiro Frantisek Novotny que já tinha pronto um projeto para ser entregue com um motor refrigerado a líquido que foi adaptado para ser equipado com o motor Walter Castor. Isso, associado ao facto de se terem utilizado amplas partes do Avia BH-22, levou a que somente após 6 semanas o primeiro novo protótipo estivesse concluído. Nascia assim o B-122.

A fuselagem do B-122 tinha uma estrutura de tubos de aço soldados e a cobertura era de tecido de linho. O conjunto das asas era todo em madeira e a envergadura das asas superiores e inferiores era a mesma, porém, somente as asas inferiores possuíam ailerons.

Os pilotos checoslovacos tiveram apenas algumas semanas para aprender e dominar o avião, uma vez que o concurso seria realizado dentro de pouco tempo. Felizmente, o projeto foi bastante bem-sucedido e os pilotos checoslovacos conseguiram ganhar o 4º (František Novák) e o 8º (Ján Ambruš) lugar na competição.

Posteriormente, com base nos contributos dos pilotos, o avião foi modificado, resultanto na versão melhorada Ba.122, que se tornou na principal variante de produção. O Ba.122 foi equipado com lemes e ailerons maiores tanto nas asas superiores como nas inferiores que melhorou ainda mais a sua manobrabilidade.

Por ocasião dos Jogos Olímpicos de Verão de 1936, em Berlim, os pilotos checoslovacos ganharam o 2º (Petr Široký), 3º (František Novák) e 8º lugares (Ján Ambruš) com os seus Avias. Nesse concurso foi introduzido o novo motor Avia RK-17. O ano de 1937 foi também um ano de sucesso, uma vez que os Avias conseguiram ganhar o 1º e 3º lugares no Encontro Internacional de Aviação em Zurique, em julho/agosto desse ano.

Os êxitos entretanto alcançados levaram a que fossem realizadas encomendas por países estrangeiros, nomeadamente União Soviética, Roménia, Eslováquia e Bulgária.

O desenvolvimento do B.122 continuou tendo dado origem aos protótipos Ba.222, Ba.322 e Ba.422. O Ministério da Defesa da Checoslováquia encomendou 45 aviões de treino que foram denominados Bs.122. No entanto, a eclosão da 2ª Guerra Mundial pôs fim a um maior desenvolvimento, tendo alguns Avias acabado nas mãos da Luftwaffe alemã quando partes da Checoslováquia foram conquistadas pela Alemanha nazi em 1939.

 

  Avia B-122  

Esquema B&W: (2) - Avia B-122 (3 vistas)


ESPECIFICAÇÕES


DESCRIÇÃO

País de origem Fabricante
Checoslováquia Avia
Tipologia de missão / Função
Avião acrobático e de treino
Projeto antecedente Desenvolvido em
Avia BH.22  
voo Introduzido
1934 1934
Período de produção Aposentado
   
Design Quantidade produzida
František Novotný +/- 100 aparelhos
Custo unitário Variantes
  B.222, B.322, Ba.422, Ba.122, Bs.122
Período histórico
 

CARACTERÍSTICAS GERAIS - Ba-122

Comprimento Envergadura Altura Superfície alar
6.80 m (22,4 ft) 8.85 m (29,00 ft) 2.84 m (9,4 ft) 22.55 m² (142,70 ft²)
Peso vazio Peso carregado Peso máximo à descolagem Teto máximo
780 kg (1,720 lb) 1 080 kg (2 381 lb)  Kg 7 000 m (22 300 pés)
Velocidade Máxima (Vno) Velocidade de cruzeiro Autonomia bélica Autonomia (MTOW)
270 km/h (168 mph, 146 kn) 230 km/h (143 mph, 124 kn)  Km 575 km (357 mi, 310 nmi)
Regime de subida Carga alar Potência/Peso Alongamento
 m/s  Kg/m2 3.2 kW/Kg  
Tripulação / Capacidade
1
Motorização
1 motor radial Avia RK-17 com uma potência de 420 cv/hp (310 kW)
Hélices
 
Armamento / Carga bélica
Metralhadoras / Canhões
 
Foguetes / Misseis / Bombas
 

VARIANTES E VERSÕES


Designação do aparelho (Variante/Versão)
- Tipo de Avião - 
Texto
 

PRINCIPAIS UTILIZADORES


Checoslováquia Alemanha Bulgária Eslováquia Roménia União Soviética

HISTORIAL


Texto

Aviões de comparável missão, configuração e época

188x141 px      
       

GALERIA


400x300 px (pequena)   Link: 1200 px

VIDEOS


     

PROFILES


     

INFORMAÇÃO ADICIONAL / FONTES


Sites e Blogs
Wikipedia-Eng Wikipedia-Eng
   
Bibliografia - Livros
 
Aviões de Guerra  
Bibliografia - Revistas
   
Créditos Fotográficos e outros
(1) - neznámý (unknown), Public domain, via Wikimedia Commons
(2) - Airwar.ru

  


Última atualização da página: 16/06/2022