Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
Sondagem
Qual a sua área de modelismo preferida?
Militar aéreo
Militar terrestre
Militar naval
Civil aéreo
Civil terrestre
Civil naval
Ficção
Outro
Ver Resultados

Rating: 4.0/5 (2506 votos)

ONLINE
3




Partilhe esta Página



 

PARCERIA


Os administradores deste site aceitam propostas de parceria para análise.

 


  

EXPOSIÇÕES NACIONAIS


OS MEUS KITS

ÚLTIMOS TRABALHOS REALIZADOS

Jeep_Willys


MILITARIA

ÚLTIMO AVIÃO A HÉLICE INTRODUZIDO/ATUALIZADO

Antonov An-2 (Colt)

Antonov An-2 (Colt)

Amiot 143

Amiot 143

Airco DH.9

Airco DH.9

Airco DH.4

Airco DH.4

North American P-51 Mustang


ÚLTIMO AVIÃO A REATOR INTRODUZIDO/ATUALIZADO 

Mitsubishi F-1

Mitsubishi F-1

Messerschmitt Me 262 Schwalbe

Messerschmitt Me 262

Beriev A-50

Beriev A-50

DFS 228

DFS 228


ÚLTIMO HELICÓPTERO
INTRODUZIDO/ATUALIZADO

AgustaWestland EH-101 Merlin

AgustaWestland EH-101 Merlin


ÚLTIMO VEÍCULO SOBRE LAGARTAS INTRODUZIDO/ATUALIZADO

Churchill tank

Churchill tank


ÚLTIMO VEÍCULO SOBRE RODAS INTRODUZIDO/ATUALIZADO

Semilagarta M5

Semilagarta M5


 

AJUDE A  MANTER ESTE PROJETODonativos



Total de visitas: 289900
P&H - Fairchild C-119 Flying Boxcar
P&H - Fairchild C-119 Flying Boxcar

Fairchild C-119 Flying Boxcar

- Avião militar de transporte - E.U.A (1949) -

Resumo Histórico Especificações Variantes/ versões Principais Utilizadores Historial Galeria Videos Profiles Fontes
Descrição Gerais
                   

Fairchild C-119 Flying Boxcar 

Link original: By U.S. Air Force (Official U.S. Air Force photo 021001-O-9999G-016) [Public domain], via Wikimedia Commons


RESUMO HISTÓRICO


O Fairchild C-119 Flying Boxcar foi um avião de transporte bimotor, de asa alta, com fuselagem em forma e vagem e os dois suportes da empenagem ligados aos motores. Esta configuração é muito idêntica ao do avião que lhe deu origem, o Fairchild C-82 Packet, porém com fuselagem mais aerodinâmica em muito contribuiu o cockpit integrado no nariz do avião. Também estava equipado com motores mais potentes.

Ao todo fabricaram-se 1184 aparelhos, em diferentes versões. Em alguns deles, na década de 60 foi adicionado um reator adicional.

Designação do aparelho

Esquema B&W


ESPECIFICAÇÕES


DESCRIÇÃO

País de origem Tipologia de missão / Função
E.U.A. Avião militar de transporte
Design Fabricante
  Fairchild Aircraft
Projeto antecedente 1º voo
Fairchild C-82 Packet 17 de novembro de 1947
Período de produção Quantidade produzida
1949 - 1955 1 183 aparelhos
Introduzido em Retirado em
Dezembro de 1949   
Custo unitário Período histórico
   

CARACTERÍSTICAS GERAIS - C-119C

Tripulação Comprimento Envergadura Altura
5 26.36 m 33.30 m 8.08 m
Superfície alar Peso vazio Peso máximo à descolagem Teto máximo
134.40 m2 18 053 kg 33 566 kg 7 300 m
Velocidade Máxima (Vno) Autonomia Autonomia máxima Regime de subida
457 km/h  Km  Km  m/s
Carga alar Potência/Peso    
Kg/m2 W/Kg    
Motorização
2 motores radiais Pratt & Whitney R-4360-20W de 28 cilindros refrigerados a ar com 3 500 hp (2 600 kW) cada
Hélices
 
Armamento / Carga bélica
Desarmado. Podia transportar até 67 soldados ou 35 macas ou 12 500 kgs de carga

VARIANTES E VERSÕES


Designação do aparelho (Variante/Versão)
Texto

PRINCIPAIS UTILIZADORES


País:  E.U.A.

HISTORIAL


O Fairchild C-119 Flying Boxcar (designação da Marinha e do Corpo de Fuzileiros Navais: R4Q) foi um avião de transporte militar americano desenvolvido a partir do Fairchild C-82 Packet.

A empresa Americana Fairchild, ainda durante a 2ª Guerra Mundial, mas já perto do seu términus, começou a projetar e a desenvolver aviões especificamente pensados para as operações aerotransportadas, já que a experiência obtida permitia concluir que a utilização de aviões como o Douglas C-47 Skytrain facilmente poderiam colocar em risco os para-quedistas uma vez que existia a possibilidade de estes chocarem com o estabilizador horizontal do avião.

As operações aerotransportadas também compreendiam o lançamento de cargas em para-quedas e também para isso os aviões então existentes não eram os mais indicados ou não estavam devidamente preparados.

A solução proposta pela Fairchild para ultrapassar essa situação previa uma fuselagem totalmente isolada da empenagem. Esta era mais alta do que o corpo do avião e estava ligada por tubos (“booms”), que partiam das asas, nos pontos onde eram instalados os motores. O cone traseiro da fuselagem tinha duas portas que podiam ser abertas em voo para a largada dos para-quedistas ou cargas. Essas mesmas portas podiam ser retiradas/removidas para permitir o embarque/desembarque de cargas volumosas e facilitar o salto dos para-quedistas.

O primeiro C-119 voou pela primeira vez em novembro de 1947 e, quando a produção cessou, em 1955, mais de 1 100 C-119 tinham sido construídos.

O C-119 foi substituído (como transporte na linha de frente) pelos novíssimos C-130 Hercules e C-123 Provider e, por altura da Guerra do Vietname, existia uma grande quantidade deles na reserva. Assim, o C-119 foi uma escolha natural para o desenvolvimento do Projeto Gunship III.


GALERIA


   

VIDEOS


   

PROFILES


   

INFORMAÇÃO ADICIONAL / FONTES


 Sites e Blogs
Wikipedia-Eng Cultura e aeronáutica
   
 Bibliografia
 Aviões-TPM  
Aviões - Tecnologia de ponta e mobilidade  

  


 Última atualização da página: 29/02/2020